segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Intuição



Só conheço a linguagem da natureza
porque minhas ações são por extinto:
primatas e ingênuas
sem saber,
conheço o amor só por ver.

Só conheço a música pelo canto dos pássaros:
às vezes livre nas rodas do mundo
às vezes triste num tom profundo,
respondo uma canção somente com outra.

Romper a asa com a liberdade,
o vento com o corpo,
a alegria com a canção —
na perda dos sentidos
sou corpo na solidão.

Por isso minha linguagem,
a natureza, este instinto:
princípio rudimentar, primitivo
de voltar para onde tudo é intuição.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...