quarta-feira, 5 de março de 2008

Pinceladas



Um schlaps de vermelho
mais um pouco de azul turquesa,
outro tanto de schufs de amarelo
num lápis de ponta grossa
em contorno de como-eu-vejo
e leis da física em poemas
tanto em largura como altura
dadas em detalhes e moldura.

Um vupt de branco em espesso
círculo no meio de muitos outros
schlaps vermelhos, chinps azuis
ao som de flups pretos,
rápidos e constantes
movimentos de mãos e tintas
no vento e na distância
entre o poema e a pintura.

3 comentários:

  1. Adoramos a visita e o seu Blogue.
    Belissimos poemas e apresentação.
    Voltaremos mais vezes.
    Miguel e Ju.
    deliciatotal.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Isaias,... primeiramente parabéns pela poesia. Todas são belíssmas.
    Adorei principalmente "Pinceladas".
    Sou doida pra me aventurar numa tela. Retratar também dessa forma a poesia. E confesso que por não ter ainda tentado, sou um cadinho frustrada até. Adorei esse poema!

    Bem, por ultimo quero te informar que meu blog " Alma de Poesia", mudou de endereço. Agora é: www.almadepoesia2007.blogspot.com
    Se quiser atualizar desde já te agradeço.
    E já estou adicionando o seu nos meus favoritos ok. Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Uma bela aquarela de palavras emolduradas por rimas deliciosas.

    Gostei!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...