sábado, 7 de junho de 2008

Mensagem anônima




É nosso tempo a folha no chão
a cada outono, a canção batida
velha no tambor de todos os cantos
o sorriso se misturando
à cadência da amargura
e o mar tomar tudo pra si
porque é dele a distância humana
porque é dele a idéia de saudade
porque é tempo de sentir paixão.

Em cada dentro uma escada conduz
uns passos a cadafalso, e poucos são
em suas mãos à mão alheia levados
para a estrela de todos nós,
a que brilha no oriente
a que sinaliza o rumo nosso
como uma mensagem que nasceu
na mensagem lá do céu
a redenção e a santidade
a todo qualquer, a um seja quem for
homem ou mulher, anônimos no mundo.


É nosso tempo de perder a razão
de todos os sábios
para cantarmos com os sabiás
mas os homens jogaram armadilhas
e tomaram a barbárie em suas mãos
tomaram o sangue dos antepassados
caídos em guerras, cheios de garras
porque é o tempo de ser selvagem
porque é o tempo de não saber
que era toma nossos muros
invade os jardins e a sapiência
de nossa idade da pedra lascada
nossa era estranhozóica.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...